Arquivo mensal: novembro 2011

Blake Lively, uma musa

 

Quando me perguntam hoje um ícone fashion, o primeiro nome que me vem a cabeça é: Blake Lively. Eu confesso sou totalmente fã dela, seja como Serena ou como ela própria, ela me deslumbra com seus looks criativos e ousados, que ficam muito bem em seu corpo.

 

Além disso, Blake tem mais do que um estilo impecável, o que mais a faz destacar é seu brilho, ela é claramente o tipo de mulher que não passa despercebida. Ela é linda, mas é mais do que beleza, é elegância, é confiança, é simpatia, é personalidade.

E é exatamente por isso que sou devota de Blake, suas roupas falam por ela, contam sua personalidade e seu humor, no meu ponto de vista é exatamente esse o trabalho do figurino, expressar quem o veste. Sou  do tipo que julga muito pela aparência (e quem não é?)

Se fosse para mim dizer alguém que Chanel gostaria eu diria “Blake Lively” o que é mais do que comprovado já que a nova querida de Hollywood é a estrela da campanha da própria marca Chanel, e ainda por cima é considerada referência por ninguém menos que Kargirld. E claro, uma das minhas inspirações fashions (das atuais a mais forte), e isso conta quase tanto quanto o diretor da Chanel adorá-la, haha.

Anúncios

Oii


Depois de séculos de blá – blá – blá esse blog vai começar, haha. Esse post  é só pra jogar conversa fora, por isso não esperem grandes observações do mundo da moda, isso fica para o próximo. Já no próximo post vamos ter Blake Lively, minha diva, atualizem e irão ver.

Voltando a conversa (sem sentido), eu estava querendo começar esse blog logo, mas a Júlia odiava os nomes e enrolamos neles, então, amem Chanel Gostaria, por favor! Depois tivemos que decidir as outras coisas e assim o tempo passou, mas agora é pra valer.

Falando na Júlia, pra quem ainda não percebeu ela é a outra dona do blog, ela se diz a meiga e quando o assunto é estilo ela faz o tipo meiga.  O que é bom, porque esse negócio de meiguice não é comigo, meu departamento é o da ousadia, o lado glam da vida.

Deve ser por isso que pra mim é tão difícil determinar meu estilo, sabe? Têm aquelas pessoas “Eu sou vintage”, aquelas outras “Eu sou fashionista”, comigo isso não rola. A cada dia eu me refaço, se eu gosto, independente de estilo, eu uso.  Eu sou fã da mistura e da criatividade nos looks e não tenho medo de chamar a atenção.

Isso é o que é bom saber pra entender um pouco a minha mente nada aleatória, com o tempo vocês vão descobrindo mais sobre mim e meu estilo. Espero que vocês gostem do blog 😉